Além do Zé Gotinha e da turma da vacinação infantil, equipes de pronto atendimento da Saúde marcaram presença nos festejos da padroeira em Arraial d’Ajuda.

No dia nacional de vacinação da segunda dose contra a pólio, também conhecida como paralisia infantil, a Prefeitura Municipal de Porto Seguro, por meio da Secretaria de Saúde, registrou imunização de cerca de 8 mil crianças, o que equivale a uma cobertura vacinal de 66,5% do total de meninas e meninos menores de 5 anos a serem vacinados. Até o final do mês, no encerramento da segunda etapa, os números tendem a passar dos cem por cento, já que todas as campanhas de vacinação infantil no município apresentaram, nos últimos três anos, resultados acima do esperado. Na primeira etapa, realizada em junho, foram imunizadas 12.554 crianças, mais de cem por cento da meta definida pelo Ministério da Saúde.
No distrito de Arraial d’Ajuda, a grande sensação do sábado foi o passeio com o Zé Gotinha na Praça de Nossa Senhora d’Ajuda e na Feirinha. No final de semana de comemoração ao dia da padroeira, crianças moradoras e turistas foram vacinadas e aproveitaram para se divertir com o mascote, que também chamava a atenção dos adultos, e, por onde passava, posava para fotos.
Vacina contra o sarampo e contra a hepatite B
No sábado, dia 13, vinte postos fixos e mais 10 volantes ficaram abertos para vacinação.
Na oportunidade da imunização contra a paralisia, o município também vacina contra o sarampo as crianças de 1 ano a menores de 7 anos (já alcançou 92,2 % de cobertura, um subtotal de 13.600 crianças vacinadas), e contra a hepatite B, os adultos de até 24 anos de idade. Essas campanhas colocam em prática o lema do Ministério da Saúde: “Vacinação para quem precisa de mais proteção. Um direito seu, assegurado pelo SUS”.
Final de semana de festa em Arraial d’Ajuda concentra outros serviços de Saúde
Além do Zé Gotinha, também se concentraram na Praça do Santuário de Nossa Senhora d’Ajuda, equipes médicas para Pronto Atendimento, da Secretaria de Saúde, com postos fixos durante todo o período dos festejos da padroeira, para dar maior tranquilidade ao morador e ao visitante que fosse curtir. Uma ambulância do SAMU, com enfermeiro, técnico de enfermagem e condutor também ficaram disponíveis para o atendimento de urgência.

Alexandra Soares
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Saúde de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top