Vila Olímpica, cine-teatro, ensino fundamental e programas de iniciação ao esporte e a arte 

O audacioso projeto de reestruturação da educação de Porto Seguro será reforçado com a chegada do Sesc – Serviço Social do Comércio – que em breve dará início à construção do Centro Social com toda a infraestrutura, que vai desde o ensino fundamental, passando pela iniciação às artes até a prática de esportes.
A iniciativa é do Sindicato do Comércio de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália e Belmonte, respaldado pela Federação do Comércio do Estado da Bahia, e apoio da Prefeitura Municipal de Porto Seguro, através do prefeito Gilberto Abade, que doou a área de aproximadamente 40 mil metros quadrados, um espaço equivalente a seis campos de futebol oficial. O local escolhido e já escriturado fica na região do Parque Ecológico.
O centro social do Sesc colocará Porto Seguro na categoria das capitais e dos grandes centros, onde comumente são concentradas as ações do serviço social da Confederação Nacional do Comércio, como o Sesc – Serviço Social do Comércio – e Senac – Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial. “Porto Seguro pode dizer que já conta com os dois”, reforça Antonio Chaves, Presidente do Sindicato do Comércio em Porto Seguro.
A ordem do presidente da Federação Estadual do Comércio da Bahia, Carlos Fernando Amaral, é ocupar a área, doada pela Prefeitura e dar início à construção. Segundo Antonio Chaves, o Sesc de Porto Seguro já conta com um caixa de mais de R$ 10 milhões para dar início ao projeto. Esses recursos tem origem no fundo de novos investimentos de cunho social da Confederação Nacional do Comércio.

Bira Porto
Fotos: João Cordeiro
Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top