Três alunas e três professores da rede pública de ensino de Porto Seguro estão prestes a viver uma experiência inédita na próxima semana, quando atravessarão o oceano Atlântico, na companhia da secretária Municipal de Educação de Porto Seguro, com destino a Portugal. A viagem é um prêmio oferecido pela Prefeitura Municipal de Porto Seguro, aos alunos que mais se destacaram nas Olimpíadas Brasileiras de Matemática de Escolas Públicas (OBEMEP), premiadas em 2009.

A comitiva inclui as alunas Hannah Sales de Oliveira (Colégio Municipal), Aiwny Cássia Jorge Antonino (Municipal) e Dalila Teixeira Rodrigues (Escola Alcides Faustino – Vera Cruz), além dos professores José Carlos Vicente, Walmirian Machado Vera e Sonia Maria São Leopoldo. A viagem será realizada no período de 25 de outubro a 06 de novembro e em Portugal, o grupo será acompanhado pelo empresário Wilson Cruz, diretor no Memorial do Descobrimento, que se prontificou a fazer a programação da viagem e agendar as visitas em Portugal.

“Essa viagem é um reconhecimento e um estímulo do prefeito Abade ao esforço dos alunos e ao empenho dos professores”, afirmou a secretária de Educação, durante um encontro com o grupo, na Secretaria de Educação. A secretária levou informações sobre a programação e forneceu uma série de orientações sobre a viagem. Segundo ela, a Prefeitura está arcando com todas as despesas do intercâmbio cultural, incluindo passagem aérea, hospedagem, transporte, alimentação e acesso aos parques e museus. A secretária informou ainda que no próximo ano serão contemplados também os alunos premiados em 2010 e 2011, com seus respectivos professores.

Experiência inédita

Os alunos e professores premiados ainda não conhecem a Europa e estão radiantes com a oportunidade oferecida pela Prefeitura. “Estou muito empolgada. Eu nem esperava por esse prêmio. Custei a acreditar, mas agora sei que é verdade”, diz a aluna Hannah. Sua colega Aiwny garante que não vai deixar escapar um detalhe da viagem. “Quero aproveitar o máximo a história, a cultura, absorver cada informação sobre um país, que foi muito importante para o crescimento do Brasil”, adianta.

Para a professora Sonia, esse prêmio é um grande incentivo e ajuda a quebrar o estigma de que o aluno de escola pública não consegue bons resultados. “A prova é super difícil e essas meninas mostraram que têm potencial. É uma maneira de provar que o aluno da rede pública também estuda, se destaca e pode competir com alunos de escolas particulares, fazendo a diferença”, afirma. Para a professora Walmirian, com essa ação, a Prefeitura valoriza tanto os jovens como os professores da cidade. “É um estímulo para esses alunos se dedicarem mais aos estudos e mostrar o seu potencial”, assinala. Na opinião do professor Zé Carlos, acima de tudo, é a valorização do estudo. “Isso mostra que sempre vale à pena dar o melhor de si. E que sirva de exemplo para os outros alunos”, aposta o professor.

A programação inclui visitas a Lagos, onde a comitiva irá participar das comemorações do aniversário da Cidade, dia 27 de outubro; Belmonte, terra natal de Pedro Álvares Cabral, Fafi, Lisboa e Coimbra.

Hilda Rodrigues (MTB 4262)
Assessoria de imprensa – Prefeitura de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top