A iniciativa é uma ação social de combate à doença, numa parceria com a Clínica Oftalmodiagnose.

A Prefeitura de Porto Seguro está devolvendo a visão de dezenas de idosos. Por meio da Secretaria de Saúde, realizou, neste mês de outubro, no Hospital Municipal, um total de 145 cirurgias de catarata. A iniciativa é resultado dos esforços do município para combater a doença, que é a maior causa de cegueira reversível no mundo, de acordo com a OMS. Da triagem, pela qual passaram 450 pessoas, ao acompanhamento pós-cirúrgico, o município teve a parceria com a Clínica Oftalmodiagnose, que está há 17 anos no mercado e disponibilizou espaço físico para triagem, médicos, anestesiologista e equipe de apoio. Do município, além uma equipe de enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, assistentes sociais e pessoal do setor administrativo, foram disponibilizadas as instalações do Hospital Municipal (centro cirúrgico e salas de preparação e avaliação), além de medicamentos.

População atendida pela cirurgia

As cirurgias foram para homens e mulheres com idade acima de 55 anos, com alguma dificuldade para enxergar e que haviam passado por triagem na primeira semana de outubro, também realizada pelo Município e a Clínica. Os pacientes passaram por consultas, exames oftalmológicos, de sangue e eletrocardiograma, e em seguida foram encaminhados para a cirurgia, com prioridade para hipertensos, diabéticos e maiores de 90 anos.

O casal Mariel e Odete Torre, de 72 e 63 anos, respectivamente, foi junto ao tratamento: “A nota que dou ao atendimento é 10”, disse dona Odete, conceito enfatizado pelo marido: “Que bom que a Prefeitura se preocupa com a saúde dos idosos. A gente estava esperando há algum tempo uma oportunidade de fazer a cirurgia aqui mesmo na nossa cidade”, afirmou.

A recuperação da visão vem para mudar o cotidiano das pessoas. Emocionado, seu Adomiciano Ribeiro, 67, declarou: “Eu via tudo embaçado e por isso, não podia andar tranquilo dentro da minha própria casa, porque corria risco de escorregar. Mas agora, pouco tempo depois da cirurgia, já enxergo bem melhor”.

De acordo com Élio do Amaral, coordenador de Enfermagem do Hospital Municipal, o objetivo é diminuir a fila de pessoas com catarata. Durante os procedimentos, os pacientes se mostraram tranquilos, embora fosse grande a demanda. “Tentamos oferecer o maior conforto possível ao paciente. O acompanhamento desde o início da triagem, passando pela revisão, no pós-cirúrgico, foi planejado para dar a maior segurança possível”, explicou.

Seu Manoelito Menezes, 78, que o diga. O aposentado agradeceu o tratamento, elogiou os profissionais, enquanto técnicos, e, quem diria, relatou a aparência deles: “Fui atendido por uma moçada bonita!

Atendimento oftalmológico de qualidade pelo SUS – isso é possível.

Dra Fabíola Mansur de Carvalho, cirurgiã e diretora da Clínica Oftalmodiagnose, enalteceu a estrutura do Hospital Municipal de Porto Seguro e considerou a equipe bem alinhada. Frisou que a recuperação da visão e da qualidade de vida são muito importantes do ponto de vista da saúde pública e afirmou: “Com iniciativas como esta, é possível fazer um tratamento oftalmológico de qualidade pelo SUS.” Do ponto de vista anestesiológico, completou Cristália Auad, anestesiologista, o município disponibilizou medicamentos que não se encontram em muitos dos hospitais públicos.

O que é a cirurgia de catarata

É feita por meio de um procedimento chamado Facoemulsificação. Um pequeno corte no olho, para retirada do cristalino (região onde se forma uma espécie de nuvem branca, o que impede o paciente de enxergar). Após a retirada, é implantada uma lente artificial e permanente, que devolve a visão. É um procedimento rápido e com recuperação tranquila.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, uma nova triagem está marcada para os dias 17 e 18 de novembro. Desta vez, também serão avaliados pacientes com glaucoma. O objetivo do Município é prevenir o avanço destas doenças e auxiliar no tratamento.



Alexandra Soares
Assessoria de Comunicação
Prefeitura Municipal de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top