Morreu na manhã deste sábado (17) o ator e diretor Sérgio Britto. Ele estava internado no Hospital Copa D’Or, em Copacabana, na Zona Sul do Rio, e faleceu às 6h35 de insuficiência respiratória aguda. A informação foi confirmada pela assessoria da Rede D'Or.
Segundo a Globo News, Britto tinha 88 anos. Ele foi criador, diretor e ator do Grande Teatro Tupi, que foi ao ar por mais de 10 anos. Considerado um dos maiores atores do país, Sérgio Britto foi responsável pela direção de “Ilusões perdidas”, primeira telenovela produzida e exibida pela TV Globo.
Apesar de seu pioneirismo na televisão, foi o teatro que o consagrou.
O corpo do ator será velado na tarde deste sábado na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), no Centro. Ainda não há informações sobre o enterro.

Presidência divulga nota sobre morte de Sérgio Brito

Brasília, 17 - A presidente Dilma Rousseff divulgou nota sobre a morte do ator e diretor Sérgio Brito, que ocorreu hoje. Segue a íntegra.
"Neste momento de perda para todos nós, brasileiros, quero me solidarizar com os parentes, amigos, companheiros de profissão e admiradores de Sérgio Brito.
Ele destacou-se, ao longo de mais de seis décadas, como um dos mais consagrados atores e diretores do teatro brasileiro. Encarnou personagens inesquecíveis do teatro e na televisão. Na nossa TV Brasil, apresentou um programa sobre a arte da representação.
É uma perda enorme para a vida cultural brasileira.
Dilma Rousseff
Presidenta da República"

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top