Professores e diretores são capacitados para oferecer educação de qualidade para as crianças de todas as creches e escolas do município
A Educação Infantil da rede municipal de ensino de Porto Seguro iniciou o ano letivo revendo a proposta pedagógica das escolas e capacitando os educadores para começar o ano letivo com mais informações e melhores condições para obter bons resultados nesse setor, considerado prioritário pela administração municipal.

Nesse mês de fevereiro, cerca de 50 diretores e coordenadores participaram do encontro de formação em Gestão para a Saúde em Creche e Pré-escola, conduzido pela enfermeira especialista em Urgência e Emergência, Rayanne Benfica. Segundo a coordenadora do Setor de Educação Infantil da Secretaria de Educação, Iramar Lage Santos, o objetivo é construir conhecimento junto com as equipes das escolas, “pensando na educação e no cuidado com a saúde como elementos indissociáveis”.

Segundo ela, a formação é centrada em estudos para compreender como, além da saúde da criança, os espaços devem ser cuidados, além de estabelecer propostas pedagógicas considerando o cuidado com o corpo, com a higiene de espaços e materiais manuseados por adultos e crianças em instituições de Educação Infantil. “Estamos pensando em como preparar o espaço adequado, que tipo de material utilizar e como formar a criança para ela entender a importância de construir o hábito permanente e cotidiano de lavar as mãos, se alimentar bem, escovar os dentes após as refeições e usar o banheiro de forma adequada”, explica a coordenadora.

A didática da capacitação incluiu palestras, discussões, grupos de estudo, elaboração de diagnósticos sobre a situação de cada escola e reflexão sobre as práticas pedagógicas. A partir disso está sendo feito um levantamento completo sobre a situação física das escolas. O estudo é vinculado ao Programa Formar em Rede, que está sendo aplicado de forma sistemática no município desde 2011, como projeto piloto em 25 escolas de Educação Infantil da rede municipal, com término previsto para 2013. A temática de estudo em 2011 foi o “Brincar”. Em 2012 o Programa de formação será ampliado para todas as escolas onde tenham turmas de Educação Infantil.

“É uma forma de pensar uma Educação Infantil que não separe o aprendizado da saúde e de outras áreas de conhecimento. Nossa intenção é formar todos os profissionais para trabalhar com qualidade na Educação Infantil do município”, resume.

Todos pela Escola

Dentro da Jornada Pedagógica, que pretende, entre outros objetivos, fazer a revisão do projeto político pedagógico das escolas, o setor está preparando seus educadores também para a implantação do programa de formação de Professores Alfabetizadores, como parte do programa “Todos pela Escola – Pacto com os Municípios”.

O Programa “é resultado de uma parceria da Prefeitura com o Governo do Estado, com o objetivo de alfabetizar todas as crianças até oito anos de idade das redes públicas e extinguir o analfabetismo. 11.680 escolas, de 329 municípios da Bahia já aderiram ao programa. “Tenho uma expectativa muito positiva quanto aos resultados desse programa em Porto Seguro e compreendo a alfabetização como um processo que necessita de reflexões sobre a prática cotidiana, que inclui grupos de estudos, distribuição de material didático (incluindo livros de literatura infantil, como está previsto no programa), acompanhamento do planejamento de cada professor e monitoramento dos resultados em sala de aula”, afirma a coordenadora Iramar Lage.

Ela acrescenta que Porto Seguro está muito comprometido com as ações propostas pelo programa, incluindo encontros mensais com todos os professores, aprofundamento das temáticas e acompanhamento da evolução da leitura e da escrita dos alunos matriculados na rede municipal de ensino nas turmas de 1º e 2º ano do Ensino Fundamental.



Texto e fotos: Hilda Rodrigues

Secretaria de Governo e Comunicação

Assessoria de Imprensa – Educação

Prefeitura de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top