Em comemoração ao Dia do Assistente Social, celebrado em 15 de maio, a Universidade Anhanguera e a Prefeitura Municipal de Porto Seguro, através da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social, promoveram solenidade na Câmara Municipal. O evento aconteceu na última quarta-feira, 16, e reuniu profissionais da área, professores e demais funcionários da universidade.

Compareceram: a secretária de Governo e Comunicação, Sandra Rizo; o ex-secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social Élio Brasil; o pastor Ednaldo Neri, de Vera Cruz, representando a secretária Dariocarmo Freitas; a coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Rita de Cássia Santana; a coordenadora da Universidade Anhanguera, Cristiane Santos; o coordenador do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), Luís Felipe; a representante do NASF, Sueli Rodrigues; a assistente social do INSS Cátia Nery, entre outros.

A coordenadora do CRAS considerou que o momento foi de grande alegria, uma vez que foi prestada uma justa homenagem a categoria, que tem atuação reconhecida no Brasil e no mundo. “Dispenso a minha homenagem a esses profissionais, que constroem pontes para que os destituídos de cidadania alcancem os seus direitos. Destaco ainda a nossa obstinação, o nosso inconformismo perante as desigualdades sociais, violência e subalternidade”, declarou.

Formação técnica e valorização profissional

A secretária de Governo e Comunicação, Sandra Rizo, que também é assistente social, afirmou que se orgulha e luta pela valorização da classe, salientando que a formação técnica é fundamental para o exercício da profissão. “É motivo de grande satisfação para mim ver novas pessoas se formando. Já incentivei a formação na área para pessoas que trabalhavam com assistência social por intuição, porém a qualificação é necessária”, acrescentando que, em conjunto com o procurador Eduardo Cruz, as secretarias de Saúde, de Educação e de Desenvolvimento Social, fez uma grande corrente e conseguiu estagiários para o serviço social, pois o prefeito Abade reconhece e valoriza o trabalho destes profissionais. A secretária parabenizou a Faculdade Anhanguera pelo evento e disse que o setor é muito dinâmico, que o tripé saúde – educação – assistência social sempre foi o marco para o seu desenvolvimento, mas que atualmente se deve ter um olhar mais apurado para o setor de meio ambiente, que está sendo estudado como a grande base. "Consiste em mais um campo de atuação para os profissionais da nossa área”, disse.

O pastor Neri enfatizou a empatia com os mais humildes como uma das características da maioria dos assistentes sociais. “Quero agradecer-lhes pela sensibilidade a favor das pessoas desprovidas de posses, privadas dos seus direitos fundamentais. Parabenizo-os pela entrega, pela vocação de apoiar os necessitados”, disse.

Programas sociais

O ex-secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social afirmou que no início da sua gestão não conhecia com profundidade o trabalho dos assistentes sociais, mas que compreendeu o grau de profissionalismo da classe e a sua importância para a sociedade. “Setores como a saúde e a educação dependem da assistência social. O ex-presidente Lula e a presidente Dilma investiram muito nos programas Bolsa Família e de habitação popular. Temos que crescer enquanto país em diversas áreas, mas sem esquecer o social, no qual ainda existe um déficit, tendo em vista os problemas gerados pelo crack e a questão dos moradores de rua”, ressaltando que, embora oriundo do movimento sindical, quer ser um cidadão do social. “As ações nesse campo são um direito da população e não favor ou caridade”, frisou.

Após os pronunciamentos, os alunos do curso de Serviço Social fizeram uma homenagem aos profissionais da área. Também ocorreram apresentações musicais e palestras.

Pedro Ivo Rodrigues

Fotos: João Cordeiro

Secretaria de Governo e Comunicação

Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top