Quem nunca teve ímpetos de aceitar levar um brinquedo caríssimo só de olhar para a carinha de choro de seu filho, implorando no meio da loja, quando o combinado era não comprar nada?

No entanto, para criar pessoas equilibradas é preciso que os pais impeçam o filho de impor sempre sua vontade. Quem não quer ter um ditador precisa dizer não. Crianças que nunca são contrariadas acabam se tornando adultos infelizes, irritadiços, agressivos, depressivos, já que o mundo não dá o mesmo sim incondicional dos pais.

O limite é uma forma de evitar a teima e deixar a criança mais segura. A criança sem limite se sente culpada, sem chão, tem dificuldades para ficar longe dos pais. Quando eles são firmes, elas se sentem acolhidas e entendem que uma cena não os fará mudarem de ideia.

Muito amor e carinho... Com limites...

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top