Único representante do extremo sul a apresentar um estande no 3º Congresso COSEMS-BA, Porto Seguro, com uma delegação de 18 pessoas, levou ao evento a simpatia, a receptividade do seu povo e o resultado positivo de diversos projetos realizados no município em prol da saúde da população.

Durante os três dias de congresso (21 a 23 de maio), no Centro de Convenções em Salvador, o Estande da Saúde atraiu congressistas de vários lugares, além de autoridades no assunto, como o secretário da Saúde da Bahia, Jorge Solla, o secretário de Gestão Estratégica do SUS, Odorico Monteiro, e o presidente do COSEMS-BA, Raul Molina. Usando adornos indígenas, eles posaram para fotos com a secretária de Saúde de Porto Seguro, Kátia Nunes, e a colaboradora Lécia Paiva, caracterizada como “a índia”.

Além de apreciar o artesanato indígena, quem passou pelo local conheceu resultados de ações de saúde implementadas no município, adquiriu peças de artesanato produzidas pelos pacientes do Centro de Atenção Psicossocial – álcool e outras drogas (CAPS ad) e provou das deliciosas cocadas de coco branco, coco queimado e maracujá, famosas na Passarela do Descobrimento.

Projetos de sucesso – Premiação e publicação

Atuante com o estande e as participações nos debates e composições de mesa, Porto Seguro também marcou presença na exposição de experiências – “No tabuleiro da Bahia tem SUS”, com nove projetos bem sucedidos e que foram avaliados por uma banca examinadora. São eles: A eficácia do tratamento substitutivo à internação para usuários de crack; O CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) Itinerante como estratégia de redução da sífilis congênita; Centro de Reabilitação: A otimização do serviço fisioterapêutico ambulatorial; Implantação de serviços na rede de urgência e emergência do município; Ouvidoria Itinerante; Descentralização de serviços especializados de saúde; Mobilização social e intersetorialidade: A experiência Porto Seguro, no combate à dengue em 2011; Pioneirismo na oferta pelo SUS do Teste da Orelhinha; e Perfil epidemiológico da mortalidade materna do município no período de 2009 a 2010, de autoria de Urânia Souza de Jesus Oliveira e coautoria de Márcia Alves Quaresma, da Vigilância Epidemiológica, premiado para participação do Congresso Nacional, em Maceió-AL, no mês de junho próximo. Todos os projetos apresentados serão publicados, por representarem iniciativas que podem ser adotadas por outros municípios.

Movimento e Vida

O Projeto Movimento e Vida, que na cidade é um dos caminhos para a busca diária de saúde, com realização de atividades físicas, no Congresso do COSEMS-BA representou também muita descontração e integração. Animado pelo educador físico Luciano (Inho), o público aderiu aos alongamentos e aos exercícios de aeróbica, tornando aqueles momentos ainda mais especiais.

Alexandra Soares

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Saúde de Porto Seguro

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top