O espetáculo teatral Mar Morto adaptação e direção de Rod Pereira da obra homônima de Jorge Amado entra na reta final dos preparativos de sua montagem. O espetáculo faz parte do calendário oficial das comemorações do centenário de Jorge Amado e da Semana Literária do Centro de Cultura de Porto Seguro e será apresentado nos dias 20 e 21 de Setembro ás 20h, com entrada gratuita.

Teatro e Artes Plásticas
Faltando 10 dias para a apresentação, as atenções estão voltadas para os detalhes finais dos preparativos. Parte do cenário, a cargo da artista plástica Rosarlette Meirelles já começa a ser composto. "A cenografia é uma arte que implica em complementar aquilo que o ator representa no palco e ou que o diretor criou para aquele espetáculo, essa ação coletiva me agrada muito, pois apesar de cada um exercer a sua função, conseguem costurar as ideias num uníssono, levando o espectador a viajar no contexto da peça. É lisonjeador pintar uma obra de Di Cavalcanti, me leva a um momento da história quando a arte fervia em ações inovadoras, levando o mundo a sonhar e artistas concretizar ideais" Comenta Rosarlette Meirelles, que é artista plástica, formada pela FAAP/SP Ilustradora, desenhista, pintora, arte educadora e curadora de arte.

A opção do diretor Rod Pereira pelas artes plásticas em seu espetáculo, não se reserva apenas para o cenário, a identidade visual da peça, a pintura Barcos, da artista plástica Kátia Almeida, de São Paulo. “Me senti imensamente feliz, honrada e gratificada em ter sido escolhida entre ótimos artistas, para ter minha pintura como identidade visual da peça Mar Morto, é como se junto com vocês estivesse homenageando uma figura tão incrível da nossa literatura, Jorge Amado e ao povo Baiano que desde o principio vem me prestigiado... O que mais posso dizer além de obrigada e desejar a toda a toda equipe muito muito sucesso!” Comentou Kátia.

Cia de Teatro
Mar Morto é mais um espetáculo da Cia de Teatro Na Arte a Verdade formada pelos atores Alex Smottha, Aylana Nielle, Binho Neres, Everton Matos, Lucia Plomer, Luís Fernando Castro e Valléria Silva, e que no ultimo dia 26 de Agosto, estreou “Amostra Grátis” levando mais de 150 pessoas ao Centro de Cultura. A Cia de teatro também possui em seu repertório o infantil “Os 3 Preguiçosos” e já pensa em seu próximo projeto, a comédia “Um Velório Muito Louco”, ainda sem data para estrear. “Possuímos na companhia o espirito de heróis da resistência. Afinal, tantos falam que fazem e coisa tal, mas espetáculo que é bom, nada! Tirando os espetáculos de nossa companhia, apenas teve o Grupo Prosopopeia, mas isso foi em março. Queríamos tanto ver mais pessoas fazendo teatro, disseminando a cultura, do que apenas falando.” Afirma o líder da companhia Alex Smottha.

Sem Apoio
O Espetáculo Mar Morto, é uma grande produção local para os palcos de Porto Seguro. Grande cenário, mais de 30 figurinos, elenco com mais de 20 atores de Porto Seguro. Único evento da região a fazer parte do calendário oficial do Centenário de Jorge Amado. Contudo, todo o projeto não foi motivo, o bastante suficiente para a produção conseguir algum apoio. “Procuramos diversos empresários, políticos e não obtivemos nada. O descaso com quem faz cultura em Porto Seguro é imenso. Somos o patinho feio, o primo pobre. A impressão que fica é que quem faz teatro em Porto Seguro, não presta. Qualquer peça que vem de fora é boa, tem apoio e tudo mais. Se não fosse pela ajuda do Centro de Cultura, e da mobilização do elenco, a quem estou imensamente agradecido, não teríamos espetáculo.” Rod Pereira.

SERVIÇO
Peça: Mar Morto
Censura: 12 anos
Local: Centro de Cultura de Porto Seguro
Dia: 20 e 21 de Setembro
Horário: 20h
Entrada Grátis

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top