Luís Otávio, secretário de turismo de Porto Seguro


CARNAVAL 2013 - É O Tchan abre Carnaval Oficial de Porto Seguro, animando milhares de foliões com repertório cheio de axé e pagodão. O grupo comandado por Beto Jamaica e Compadre Washington, sucesso durante mais de 10 anos, retornou à formação original com os dois cantores e agitou mais uma vez a cidade. A primeira noite carnavalesca também teve trios elétricos com a apresentação de bandas regionais como Simboarê, Morcegada e Vera Cruz, arrastando os foliões na pipoca.

Banda Simboraê


O secretário de Turismo, Luís Otávio, conta que mesmo diante da situação encontrada no município e com pouco tempo, com criatividade e bastante empenho de toda a administração, está sendo possível fazer o melhor Carnaval do interior da Bahia. “Nossa programação agradou gostos variados, conseguimos o resgate cultural incentivando o Corredor Pacatá e os blocos tradicionais”, pontuou, estimando cem mil pessoas no circuito a cada dia.

“Sabíamos dos desafios a serem enfrentados para que fizéssemos essa belíssima festa popular, que foi possível por conta da credibilidade da nova administração facilitando elaborar uma programação diversificada, mesmo com poucos recursos, além de nossa experiência na realização de eventos afins”, explica o vice-prefeito, Beto Nascimento.

Logo na primeira noite, a prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira, festejou junto à comunidade o sucesso desta festa tão esperada. Ela percorreu o circuito, visitou os camarotes e, do trio da Banda É O Tchan, ela entregou o cetro e coroa ao “Rei Momo”, aproveitando para garantir emplacar carnavais seguintes de sucesso assim como este, convidando bandas de repercussão nacional, em grandes estruturas, a fim de fortalecer cada vez mais o Carnaval portossegurense. “A ideia é fomentar todo o trade turístico, mobilizando os vários segmentos econômicos, propiciando crescimento para a comunidade ao mesmo tempo em que valorizamos nossa vocação: a de ser feliz e receber bem”, concluiu dando boas-vindas aos foliões.

Autoridades políticas como o deputados estaduais; vereadores; secretários municipais, autoridades militares; empresários e amigos prestigiaram o camarote da prefeita, na primeira noite do Carnaval de Porto Seguro.




Tradições carnavalescas

A fim de preservar tradições carnavalescas, por volta das 18h, Porto Seguro curtiu os desfiles de blocos a partir do Corredor Cultural Pacatá, seguindo para o circuito do Carnaval, que vai da Avenida Vinte e Dois de Abril, seguindo até o final da Passarela do Descobrimento.

Contagiando todo mundo, o bloco Melhor Idade “Nós Somos Nós” foi o primeiro, com concentração no Bar do Didi, iniciando o percurso da Casa da Lenha à Casa Azul. O bloco das Babás partiu da Casa da Lenha; e os Fraldas, levando todo mundo para a folia, saiu do Bar Brasileirinho, fazendo um verdadeiro esquenta.

Da Praça dos Pataxós saiu o bloco Índio Tupinambá – Cordão de Caboclo, que seguiu pelo Corredor Cultural fazendo várias encenações, tais como Rainha da Tribo, Índia Perdida, entre outras. A programação também contemplou os distritos de Trancoso, que contou com o bloco Só Love; e o Pé de Cana em Arraial d´Ajuda.



Segurança e Saúde

Esses dois assuntos são levados a sério pela administração municipal a fim de garantir tranquilidade e apoio ao folião. Mais de cem profissionais da Secretaria Municipal de Saúde estão trabalhando no Circuito do Carnaval, em Arraial d´Ajuda e no Complexo Frei Calixto. Entre os serviços oferecidos estão os preventivos à DST, com realização de teste rápido de HIV, Sífilis e Hepatite B e C, além de distribuição de preservativos e brindes; outra medida é a troca de latas de bebida alcoólicas vazias por garrafas de água mineral, a fim de reidratar quem se excedeu. O setor de Urgência e Emergência está intensificado, com cinco unidades no município e, nos dias da festa, foi montado pronto atendimento no Circuito do Carnaval com equipe multidisciplinar, também nos distritos de Trancoso, Arraial d´Ajuda. Além disso, o folião pode contar com o Hospital Municipal no centro da cidade 24h.


A segurança também foi reforçada. O efetivo da Polícia Militar conta com policiais das cidades vizinhas. Além do trabalho cotidiano, para o Circuito do Carnaval e nos locais de festas foram enviados mais de 200 policiais, distribuídos em cinco postos elevados de observação ao longo da Passarela, em três Postos de Comando Setorial (PCS) e em áreas externas à festa. “Além disso, contou com o apoio da Cipa, Caema, Polícia Rodoviária e Bombeiros, bem como com a atividade da Polícia Federal”, informa o capitão, Miguel Ângelo.


O Carnaval de Porto Seguro contou com a parceria do Governo Federal, Governo do Estado, Secretaria do Turismo, Bahiatursa, Petrobras, Bivolt, Schincariol (Brasil Kirin) e toda a imprensa.


Ascom Porto Seguro


0 comentários :

Postar um comentário

 
Top