Arquipélago de Abrolhos no Extremo Sul da Bahia



Os interessados em fazer estágio no Projeto Baleia Jubarte têm até o dia 15 de abril para fazer a inscrição. As vagas são para as bases em Caravelas, extremo sul da Bahia, e Praia do Forte, litoral norte do estado. Podem concorrer estudantes de todo o Brasil, desde que preencham os requisitos como estar cursando Biologia, Veterinária, Oceanografia, Pedagogia e áreas afins, ter habilidade para trabalhar no mar e fluência na língua inglesa (Praia do Forte). Na oportunidade, os estagiários irão acompanhar de perto as atividades dos pesquisadores do Projeto, além de se envolverem nas atividades relacionadas à pesquisa e à conservação das baleias jubarte (Megaptera novaeangliae) e dos botos cinza (Sotalia guianensis).


O trabalho com os botos só ocorre em Caravelas. Destaque para os cruzeiros de pesquisa e de turismo, para as operações de resgate de mamíferos aquáticos em situação de encalhe e para as ações de educação ambiental.

Em Caravelas, ponto do continente mais próximo do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, principal ‘berçário’ das baleias jubarte no Oceano Atlântico Sul Ocidental, o estágio inicia-se em 03/07/2013, tendo duração de cinco meses. Na Praia do Forte, o estágio dura um mês a menos e começa no dia 01/07/2013. Devido à necessidade de treinamento e demanda de trabalho, os candidatos precisam ter disponibilidade para permanecer no estágio durante todo o período. O alojamento é disponibilizado pelo Projeto Baleia Jubarte, que é patrocinado pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Ambiental.

Os documentos necessários para se candidatar são: currículo, duas cartas de recomendação (de professores ou orientadores) e uma carta de apresentação. Mais informações no site do Projeto Baleia Jubarte, em Editais ou pelos telefones: (71) 3676-1463 e (73) 3297-1920.

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top