Vitrine da Costa


Com essas palavras do título deste artigo, recebi um e-mail hoje de uma desconhecida. A remetente me encontrou pelo Google onde procurou uma jornalista ou repórter de Porto Seguro... No e-mail pedia ajuda para que seu pai, acidentado gravemente no Arraial Dajuda fosse transferido do Hospital Luis Eduardo Magalhães, pois necessitava de UTI com urgência.

Fiquei atordoada, me coloquei em seu lugar e mesmo ciente de que o HLEM não é de gestão municipal liguei para a secretária de saúde, Edna Alves, que prontamente se dispôs a analisar o caso me pedindo dados do paciente em questão.

Em menos de uma hora recebi este e-mail da secretária Edna Alves...

_____________________________________________

Bebel, Segue informação sobre o paciente DPA

O paciente encontra-se na emergência do hospital Luiz Eduardo Magalhães com vaga para internação já confirmada, na unidade intermediária (UI), setor adjunto a UTI. Após conversa com a equipe do hospital, confirmamos que o referido paciente encontra-se com contusão cerebral, com fratura de crânio cujo tratamento, para o momento, não é cirúrgico, apresenta-se ainda respirando espontaneamente (sem auxílio de aparelhos), verbalizando (falando, conversando), está sendo acompanhado pela equipe de neurocirurgia do hospital que tem solicitado e realizado Tomografia de crânio diariamente para controle do quadro. Em virtude de todo atendimento prestado e sabendo que o caso pode ser resolvido neste nosocômio, existe pedido de transferência somente por falta de vaga na UTI, vaga esta que deve ser encontrada pela central de regulação do estado e que neste momento por tomar conhecimento através do email de Bebel em instantes, estarei oficializando, para somar esforços na transferência, mas, surgindo a vaga aqui mesmo na UTI, o tratamento será realizado no HDLEM.

Por sua vez o município de Porto Seguro através de sua secretária de Saúde, está a disposição para ajudar no que for preciso e possível. Informo ainda, que o hospital em referência não é de gestão municipal, mas que sou conhecedora da qualidade dos serviços da equipe de neurocirurgia do hospital, e neste caso, consta total assistência ao paciente.

Certa da compreensão agradeço.

Edna Alves


_____________________________________________

Fiquei mais tranquila e orei para que tudo caminhasse da melhor forma possível. Respondi o email à filha do paciente, que reside em São Paulo explicando que Edna e sua equipe estariam comprometidas em colaborar e ajudar no que fosse preciso.

Distraindo-me com a novela das 9 e quase cochilando depois de um dia de trabalho bem atribulado, recebi uma mensagem de Leonardo (assessor de imprensa da secretária) no celular me avisando que o paciente estava entrando na UTI naquele momento, mais ou menos 22:15, ou seja cerca de 8 horas depois que recebi o e-mail.

Respondi a mensagem e corri para o telefone para ligar para a tal moça que me achou... Mesmo demorando muito a atender, insisti porque queria dar a notícia para aquela filha desesperada que me encontrou no Google. Senti mais uma vez, profundamente, a responsabilidade do meu trabalho e a satisfação de poder ajudar uma pessoa desconhecida, que simplesmente me achou...

A moça que me achou se emocionou de lá e eu de cá...

Hoje a sensação de missão cumprida está mais latente... Especialmente por ter procurado ajuda e ter sido atendida. E tudo mais deu certo. Agora é orar para que o paciente se recupere do estado grave em que se encontra e que essa família possa seguir feliz.

Não cito seus nomes apenas por ética... Agradeço a pronta disponibilidade da secretária Edna Alves a quem o destino me uniu de alguma forma. Pois é secretária, se já disseram, que mesmo eu sendo sobrevivente de um câncer de mama, estaria faturando alguma coisa por ter participado do Outubro Rosa, imagine agora kkkk

Mas como diz Arlindo Cruz num belíssimo samba: “Quem sabe de mim sou eu” e estou muito feliz por ter feito a minha parte...

Agora peço a você que está lendo esse desabafo que faça uma oração pelo pai da moça que me achou e que nossa energia chegue a ele e que ele saia dessa e volte rapidamente ao seio de sua família! Boa noite!

Acabei de receber mais um e-mail... Isso não tem preço...

"Boa noite Bebel.
Agradeço imensamente o esforço feito por alguém que você nem conhece. Na verdade estou perplexa até agora pelo fato de você ter nos ajudado. É a primeira vez em muitos anos que acredito que ainda exista gente boa nesse mundo. Serei eternamente grata a você. Quero que saiba que além de uma fã, você conquistou também, minha amizade! Quero que saiba que será um prazer te receber em minha casa quando vier a São Paulo"...

0 comentários :

Postar um comentário

 
Top