Vitrine da Costa


por Isabella (Bebel) Magalhães
Há exatos 18 anos às 8:30 da manhã daquele 8 de maio de 1996, aos 36 anos, eu entrei em uma das salas cirúrgicas do Hospital Sírio Libanês em São Paulo para fazer uma mastectomia radical. Diagnóstico: Câncer de mama (Carcinoma Ductal Invasivo Grau III com metástase nos linfonodos). Foi tudo tão rápido... Por falta de apartamento acabei ficando na oncologia pediátrica, o que me fez repensar toda aquela ladainha da frase: "Porque isso aconteceu comigo?" Meus "companheirinhos" de corredor do hospital por aqueles 15 dias me ensinaram muita coisa e eu só tenho a agradecer...

DECIDI SER FELIZ

Depois do primeiro susto (sim... vieram muitos outros sustos e ainda virão...)  Decidi então ser feliz por cada 24 horas que eu tivesse. Um dia de cada vez... Cada minuto explorado em cada segundo que nos cabe... Meu único filho, Daniel era a minha razão de cada segundo. Acho que se cansou de tantas vezes que eu o abracei e beijei temendo a separação. Conversei tanto com ele sobre uma vida inteira, com medo de não estar presente no futuro que é hoje... Graças a Deus eu estou aqui... E ainda conversamos muito...

VIVENDO UM DIA DE CADA VEZ

Por acreditar piamente que meus dias iriam findar nesse plano a qualquer momento e que a cada dia eu teria um dia a menos, fui vivendo a cada dia um dia a mais... Um de cada vez...Uma tarde estive numa fazenda e havia um grande vale muito bonito... O sol estava se pondo e o céu fez um cenário de um verdadeiro Deus. Senti tanto a Sua presença que decidi me ajoelhar de verdade e pedir a Ele que me deixasse ficar mais um pouco com meu menino, ainda tão pequeno... Pelo menos mais um pouco... e vê-lo crescer e se tornar adulto... Eu teria tempo, então, pra lhe falar tantas coisas.... Eu queria dar mais tantos abraços... Eu queria dar mais tantos beijos... Eu queria tanto...

VIVENDO UM DIA DE CADA VEZ

Falei com o Deus certo... O único e verdadeiro... E Ele me atendeu... Hoje comemoro a maioridade dessa vitória. Continuo vivendo um dia de cada vez. Como todo adolescente me perdi algumas vezes durante essa trajetória, mas aos poucos fui amadurecendo. Mas não completamente... Tem uma menina aqui dentro de mim sedenta de vida... Ainda... Aquele vale é meu entardecer diário esteja onde estiver. Haja o que houver...


A única foto que tenho daqueles dias é essa... Eu havia terminado a quimioterapia 
há cerca de 2 ou 3 meses... Os cabelinhos já estavam crescendo... 
Meu filho e eu... Firmes...O pior já havia passado...

18 ANOS DEPOIS...

O pior já passou! Eu queria ficar aqui contando tantas coisas, mas não posso... Tenho um dia inteiro para viver... Comemorar o próximo segundo como se fosse o derradeiro dar mais um beijo no meu filho que em alguns dias completará 29 anos... Há 18 anos atrás...





6 comentários :

  1. marilisa peeters8 de maio de 2014 11:56

    Parabéns, Bebel!! Realmente falar com o Deus certo faz toda a diferença e esse Deus é aquele que habita em nós. Feliz por ti!! bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha linda... Obrigada sempre por tudo! Esse mesmo Deus colocou muitas pessoas maravilhosas na minha vida. E vc, com certeza, é uma delas! Bjs

      Excluir
  2. Pedro Ivo Rodrigues8 de maio de 2014 17:53

    Parabéns, Bebel! Um belo exemplo de vida e de superação. Você é uma guerreira e certamente Deus te preparou algo muito especial. Tudo de bom para você e que sua vida seja repleta de bênçãos e conquistas. Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedro querido... Muito Obrigada. Sou sua fã e desejo muito sucesso a vc que é um ser humano tão especial. Bjs

      Excluir
  3. Arrepiei...Parabéns pela vitória, Bebel!!! Viva la vida!

    ResponderExcluir

 
Top