O tema "Nosso Lixo, Nossos Mares" será discutido por 50 jovens em Arraial d’Ajuda (BA)

Com o objetivo de promover a formação continuada da juventude para a participação na conservação costeira e marinha, o Projeto Coral Vivo está promovendo o II Encontro Coletivo Jovem da Costa do Descobrimento. Ele ocorre de 17 a 19 de agosto, em Arraial d’Ajuda (BA), com 50 participantes com idades entre 15 e 29 anos dos municípios de Porto Seguro, Prado e Santa Cruz Cabrália.

Coral Vivo promove o II Encontro Coletivo Jovem da Costa do Descobrimento



2o Encontro Coletivo Jovem da Costa do Descobrimento promovido pelo Coral Vivo - 2018


“Escolhemos o tema ‘Nosso Lixo, Nossos Mares’, considerando que os ambientes praia, mar e oceano são de pertencimento dos jovens que moram nessa que é uma das áreas de maior biodiversidade marinha do Atlântico Sul. Inserimos a realização desse encontro no nosso atual contrato de patrocínio do Projeto Coral Vivo com a Petrobras para manter o Coletivo Jovem da Costa do Descobrimento ativo”, explica a coordenadora de Educação e Políticas Públicas do Projeto Coral Vivo, Teresa Gouveia.

O programa considerou estratégias pedagógicas diversas como dinâmicas - a encenação sobre comportamento humano gerando o lixo marinho, gincanas e a elaboração de cartas para prefeitos, complementando os relatos de experiências de percepção e conhecimentos sobre resíduos sólidos encontrados nas praias. Entre os palestrantes convidados estão o pesquisador e idealizador do Instituto Ecosurf, João Malavolta, e a jovem Alicia Costa, que abordará o Coletivo Praia Limpa. A coordenadora geral do Projeto Coral Vivo, a oceanógrafa Flávia Guebert, irá apresentar os projetos de Combate ao Lixo Marinho desenvolvidos pela Rede de Educação Coral Vivo, juntamente com educadores e alunos dos colégios participantes dessa Rede.

De acordo com Teresa Gouveia, esse encontro está sendo realizado tendo em vista a atuação dos Coletivos Jovens: “jovem educa jovem”, fortalecendo o papel protagonista dos jovens como sujeitos sociais; “jovem escolhe jovem”, apontando que são os próprios jovens os mais indicados para tomarem decisões relativas aos processos de escolha; e, “uma geração aprende com a outra”, afirmando que as diferentes gerações têm o que ensinar e o que aprender.

Sobre o Projeto Coral Vivo


O Projeto Coral Vivo é patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental e trabalha com pesquisa, educação, turismo, políticas públicas e sensibilização para a conservação e uso sustentável dos ambientes recifais e coralíneos do Brasil. Concebido no Museu Nacional/UFRJ, hoje é realizado por doze universidades e institutos de pesquisa. Está vinculado ao Instituto Coral Vivo, que é o coordenador executivo do Plano de Ação Nacional para a Conservação dos Ambientes Coralíneos (PAN Corais). Esse documento de pactuação está sendo realizado com a coordenação geral do Cepsul/ICMBio. Além disso, o Projeto integra a Rede Biomar, junto com os projetos Albatroz, Baleia Jubarte, Golfinho Rotador e Tamar. Todos patrocinados pela Petrobras, eles atuam de forma complementar na conservação da biodiversidade marinha do Brasil, trabalhando nas áreas de proteção e pesquisa das espécies e dos habitats relacionados. As ações do Projeto Coral Vivo são viabilizadas também pelo copatrocínio do Arraial d’Ajuda Eco Parque.www.coralvivo.org.br.



Mercia Ribeiro
Jornalista


0 comentários :

Postar um comentário

 
Top